Publicado em Deixe um comentário

Como escolher a melhor torneira para as cubas

Compartilhar

Apesar de a beleza ser fundamental na composição entre torneira e cuba, a funcionalidade ainda é o principal requisito. Ter espaço suficiente para fazer a higiene das mãos no banheiro e a lavagem dos alimentos e utensílios na cozinha, de forma confortável, é fundamental. Nesse caso, estamos falando da distância entre a saída da água, na bica, e a borda da cuba. Assim, vamos começar a falar da altura ideal de uma torneira instalada e, logo na sequência, falaremos das melhores combinações entre torneiras e cubas.

Na cozinha

Na cozinha, onde lavamos alimentos, louças e panelas precisamos de uma distância maior, do que no banheiro, entre a bica e a cuba: ao menos 30 centímetros, independente se a torneira será fixada na parede ou na bancada.

Em geral, as cubas utilizadas nas cozinhas são as embutidas ou as de semiencaixe, pois além de deixarem um visual mais “clean”, ocupam menos espaço na bancada. Para bancadas mais estreitas, as cubas de semiencaixe e as torneiras de parede são as melhores combinações. Ambas as peças ocupam menos espaço. Já em áreas de trabalho maiores, cubas embutidas, inclusive duplas, combinadas com torneiras de mesa ou bancada formam o par perfeito.

No banheiro

Já nos banheiros, onde lavar as mãos é a tarefa mais comum, a altura recomendada da torneira é menor em relação às utilizadas na cozinha. Manter 10 centímetros de distância entre a saída da água e a borda da cuba é a altura ideal. Menor do que isso haverá desconforto no ato de lavar as mãos, além de derramar água por toda a bancada.

Quando se trata da combinação de cubas e torneiras, o princípio utilizado na cozinha é o mesmo. No entanto, muitos projetos em banheiros empregam cubas de apoio, dada à variedade de modelos no mercado e pela tendência em geral. Para as cubas de apoio, as torneiras baixas são ótimas escolhas quando a cuba oferece o furo para a instalação. Porém, existem também as torneiras mais altas que são instaladas diretamente sobre a bancada. E a maior consideração para escolher a torneira para uma cuba de apoio nesse tipo de projeto é privilegiar os modelos em que a bica da torneira seja sempre mais voltada para baixo, na direção do ralo da cuba.

E nas situações em que sua bancada é mais estreita na profundidade, mas pelo seu gosto pessoal, foi feita uma escolha por cuba de apoio, utilize uma torneira de parede. Mas, lembre-se de antes de instalá-la, meça a altura da sua cuba de apoio para manter a distância entre 10 e 15 cm da bica em relação ao ralo da cuba. E dê preferência às torneiras com braço mais longo para que o jato da água continue no centro da cuba.

Nos próximos artigos, abordaremos os diversos tipos de cuba com mais detalhes e seus usos em cozinhas e banheiros.

Compartilhar

Deixe uma resposta